Notícias de Última Hora

Folha Sertaneja e escritores da ALPA voltam à Escola Manoel Nascimento Neto para um reencontro com os alunos.

“Conhecer para aprender: descobrindo a história do jornal Folha Sertaneja”

Durante todo o mês de Fevereiro, sob a orientação da Professora de Língua Portuguesa e Redação Jedalva Maria da Silva Almeida e da bibliotecária da Escola Municipal Manoel Nascimento Neto, Professora Lúcia Nascimento, os alunos do 9º ano, turmas A e B, fizeram estudo sobre matérias publicadas no jornal Folha Sertaneja, numa primeira etapa do projeto “Conhecer para aprender: descobrindo a história do jornal Folha Sertaneja”.

A atividade contou com o total apoio da Diretora da Escola, Professora Luciana Silva Santos e de toda a diretoria e coordenação desta Escola Municipal localizada no Bairro Tancredo Neves III.

O diretor do jornal Folha Sertaneja, Professor Antônio Galdino da Silva, que também é o presidente da Academia de Letras de Paulo Afonso – ALPA, foi convidado para a culminância do trabalho, assim como a poetisa Jovelina Ramalho, também da ALPA e, ali, os alunos falaram sobre os temas escolhidos – ameaça de fechamento do HNAS, falta de UTI em Paulo Afonso, o problema do estouro de barragens em Brumadinho e as possíveis consequências para o rio São Francisco, falaram ainda sobre os escritores da ALPA, Antônio Galdino, Jovelina Ramalho e João de Sousa Lima e ainda apresentaram poemas de Jovelina Ramalho – com total segurança e desenvoltura.


O trabalho dos alunos e professores foi recebido pelo jornal Folha Sertaneja como uma homenagem a esse veículo de comunicação que, justo no mês de Fevereiro, completou 15 anos de vida. E esse trabalho resultou em uma reportagem de página inteira na edição de Março do jornal Folha Sertaneja.

Em 17 de Abril, os professores Antônio Galdino e Jovelina Ramalho, como foi prometido, voltaram à escola levando a edição do jornal com a reportagem sobre esse projeto para a Biblioteca da Escola e para todos os alunos. O professor Galdino levou também exemplares dos livros do Professor Ivus Leal (da ALPA) Pelas Estradas da Vida(crônicas) e Lindos Versos de Amor (poesia) além de vários outros livros infantis de sua biblioteca pessoal, para a Biblioteca da Escola.

Chegamos à Escola no início do horário de intervalo, depois da 15 horas de um dia bastante ensolarado e vimos as crianças brincando no meio do sol pois a escola não tem área coberta para a recreação. Também não há banheiros para os professores e precisamos nos deslocar para outro bloco de salas. A Administração do Bairro Tancredo Neves estará visitando a escola na próxima semana.


A visita foi muito agradável e os professores foram recebidos com todo o carinho pelos alunos, diretores, coordenação e colegas professores. Ali estavam a diretora Luciana Santos, a coordenadora pedagógica Berilânia, carinhosamente chamada de Bell e a Professora Maria das Dores, conhecida como Ninha, que dava aulas em uma das turmas, além da professora Jedalva Almeida, coordenadora do projeto, que informou que está concluindo a segunda etapa dele que consiste na produção de redação pelos alunos sobre o conteúdo trabalhado.

A professora Lúcia Nascimento, sempre muito empolgada com o seu projeto Aventureiros da Leitura, desenvolvido com alunos desta unidade escolar municipal, fez uma postagem no Facebook ressaltando a importância desse tipo de visita, de escritores, para os alunos.


“Hoje foi uma tarde muito mais que especial, recebemos a visita do presidente da ALPA e diretor do jornal Folha Sertaneja Antonio Silva Galdino e da professora e imortal da Academia de Letras Jovelina Maria Ramalho Silva para entregarem pessoalmente o jornal do mês de março de n°181, no qual os alunos fizeram uma magnífica homenagem de aniversário de 15 anos do Jornal Folha Sertaneja no dia 29 de março no turno vespertino, as turmas do 9° Ano A e B. Os alunos sentiram-se felizes ao receberem os exemplares do qual fazem parte nesta edição!

Obrigada professor Galdino e professora Jovelina, esse momento será sempre lembrado por essas turmas de alunos que sentem-se " esquecidos " de certa forma por muitos que poderiam doar aos menos um pouquinho do seu tempo para ouvir um pouquinho a vivência de cada um!
Galdino e Jovelina vocês estão e vão sempre permanecer presentes nas vidas deles, tenho certeza disso! Obrigada por proporcionar a todos nós essa grande alegria.”

A professora Lúcia lembra que “nossa Escola Manoel Nascimento Neto é localizada numa comunidade simples sim, mas tem alunos muito inteligentes e que são tão capazes quanto qualquer um que frequenta uma escola particular, eles só precisam de um olhar diferente e oportunidades.”
Também a diretora Luciana Santos falou da satisfação de receber os escritores nesta escola que ela dirige há 10 anos e a coordenadora Bell afirmou que “quando vocês, escritores chegam aqui parece que renovam a alma dos alunos. Eles se sentem valorizados”.

Informamos que a ALPA tem um projeto chamado “O Escritor vai à Escola”, uma ideia da professora Jovelina que tem justamente esse objetivo de visitar as escolas, conversar com os alunos, apresentar uma poesia, um texto literário, como forma de incentivar o seu gosto pela leitura e que, este ano temos o desejo de ampliar estas nossas visitas e estamos à disposição das escolas para esse fim.
Informamos também que ainda neste mês de Abril, membros da ALPA estarão no Povoado Colônia, município de Santa Brígida para o lançamento do livro De Gameleira à Colônia, uma saga nordestina, de autoria do escritor, poeta e Imortal da Academia de Letras de Paulo Afonso, Marcos Antônio Lima e fazendo contato com a comunidade daquele lugar. 
E, em junho, os escritores da ALPA estarão em Rodelas, participando de um encontro cultural organizado por Valdomiro Nascimento, coordenador do Projeto Escolas Culturais naquele município. 

Nenhum comentário